10 de julho de 2004

uma voz profética, uma vida limpa



Quando a pátria que temos não a temos
Perdida por silêncio e renúncia
Até a voz do mar se torna exílio
E a luz que nos rodeia é como grades


Sophia de Mello Breyner Andresen

7 Comments:

Blogger Rui said...

Bela homenagem.

11 de julho de 2004 às 09:58  
Blogger MF said...

Não será "grades" e não "grandes"?

11 de julho de 2004 às 22:22  
Blogger Rui said...

Se conheço o blogue da MF e o teu, Carlos Cunha, é graças ao senhor João Mendes Cruz que, com muita mágoa minha, encerrou o seu blogue. Hoje, não passo sem vos ler (ou reler) diariamente.

11 de julho de 2004 às 23:01  
Blogger MF said...

Querido Rui:
As missivas de João Mendes Cruz vão sendo cada vez mais escassas para grande pena minha. Foi ele que durante muito tempo reanimou o meu entusiasmo de escrever na blogosfera. Por vezes não temos noção da força que têm pequenos gestos nossos até que vemos as marcas da sua supressão.

12 de julho de 2004 às 00:06  
Blogger marvin said...

Sim, é "grades". Obrigado, MF.

12 de julho de 2004 às 00:42  
Blogger MF said...

De nada CC, de nada. E assim se encerra com este humilde préstimo a existência de MF.

12 de julho de 2004 às 00:53  
Blogger Rui said...

Só pela sua escrita podemos gostar das pessoas. Espero reencontrar a MF.

12 de julho de 2004 às 02:06  

Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger

www.website-hit-counters.com